Ligustrinho

Este trabalho é uma experiência com uma espécie que temos a disposição em todo o Brasil. Material barato e que pode apresentar um resultado muito bom.

Este exemplar estava em meu jardim e encontrava-se com grande parte dos galhos sem brotações na parte de baixo.

Foi retirado do chão e feito uma poda drástica.

Aqui ele já aparece com as brotações depois de 1 ano.

ligustrinho_dez2008_05_bog

Efetuando a desfolha para melhor visualizaçõa e seleção dos galhos:

ligustrinho_dez2008_02_bog

Resultado: fiquei com apenas 3 galhos para formar a estrutura da planta e 2 pequenos brotos que vão servir de opção para formar o ápice.

ligustrinho_dez2008_03_bog

Vista da distribuição dos galhos.

ligustrinho_dez2008_04_bog

Ainda está previsto em meu projeto cavar o tronco para dar um aspecto de muita idade a planta.

Atualizando desenvolvimento – dezembro/2008. Atenção para o galho da direita que degenerou e está verde, sem as bordas brancas do variegata.

ligustrinho_281208_blog

Mais uma intervensão após ter deixado crescer livre.

Dezembro de 2009

Reduzi bastante o ápice a fim de estimular ramificações para melhor compactar a copa. Durante este trabalho veifiquei que um lado, de cima a baixo, surgiu uma área de madeira morta que foi trabalhada (escavada) com a Dremel.

Outro angulo:

A planta em março/2010:

Atualizando – 28 de setembro de 2010

2 comentários sobre “Ligustrinho

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s