Acer Buergerianum

Adquiri este Acer buergerianum na Casa do Bonsai, no evento em Caxias do Sul (abril de 2011).

É uma planta cultivada desde semente pelo Carlos Tramujas.

Quando cheguei ao evento, já fiquei encantado com a planta.

Ela já foi trabalhada lá mesmo no evento. A planta apresentava muitos galhos, fornecendo muitas possibilidades de trabalho.

Depois de uma desfolha, expus o nebari para avaliar qual seria a frente da planta.

Agora é aguardar até o fim do inverno para passá-la para um vaso de trinamento e deixar ela brotar bem.

Em alguns pontos estão faltando galhos que se não vierem com a nova brotação, será enxertados.

Ainda tem muito trabalho para formar a estrutura.

Em função da época, a brotação discreta.

Brotação intensa na primavera. Foto dela em janeiro/2012

Novembro de 2012

Seguindo com os trabalhos para melhorar esta planta, apliquei a técnica da enxertia por transfixia para “colocar” galhos onde estava faltando.

Esta técnica consisti em enxertar os próprios galhos da planta atravessando eles no tronco.

As fotos são bem ilustrativas.

Aqui pode-se perceber o lado da planta onde faltam galhos.

Marcado em vermelho onde faltam galhos e vou fazer o enxerto, isto vai dar equilíbrio e beleza a planta.

Alguns galhos foram deixados crescer para espicharem e poderem ser usados  para posicionar os novos galhos.

Depois de escolhidos os galhos, é preciso desfolhar o galho que vai ser atravessado no tronco.

Depois de marcado o ponto, utilizei a dremmel para fazer um pequeno furo que depois foi alargado com o uso de uma broca e furadeira.

Neste ponto do trabalho é muito importante ficar atento a direção que será dada ao furo para o galho, além de sair no ponto certo, já sair na direção desejada.

Nesta foto mostro os 2 galhos já trespassados no tronco. A seta azul indica a entrada do galho superior e as vermelhas a saídas do galhos superior e do inferior. A entrada do inferior ficou escondida pelo tronco.

Outro angulo dos galhos posicionados.

Nas entradas e saídas dos galhos foi aplicada uma pasta cicatrizante para evitar a entrada de umidade e pragas.

As setas vermelhas indicam os galhos que foram curvados para atravessar o tronco.

2013 – novembro: poda de refinamento e transplante para um vaso de treinamento.

A planta desfolhada e aramada:

DSCN8639-FB

O substrato já estava tomado de raízes:

DSCN8687-FB

Reduzindo as raízes:

DSCN8691-FB

Substrato bem drenante:

DSCN8692-FB

Ajustando no vaso e posicionando algumas raízes:

DSCN8696-FB

Substrato devidamente acomodado com meu super hashi de alumínio (by Edmilson Silva):

DSCN8701-FB

Planta finalizada:

DSCN8708-2Fb

Próximo passo: enxero de raiz para melhorar o nebari.

Maio/2014 – atualização:

DSCN2475_web

O tamanho da folha ainda será reduzido com novas desfolhas:

DSCN2477_web

Março 2015 – atualização: alguns galhos ainda precisam de maior desenvolvimento para que a copa fique com um formato melhor acabado.

DSCN3061_WEB

Junho 2015
Finalmente meu acer kaede resolveu começar a mostrar as cores outonais.
junho_2015_WEB

Agosto 2015 – transplante. Ainda no vaso de treinamento e vai receber 2 a 3 enxertos de raiz. Aqui fotos dele já rebrotando com toda força.

DSCN4676_WEB
DSCN4678_WEB
DSCN4677_WEB

Agosto/2016 – podas e aramação. Semana que vem transplante para um vaso mais raso.
Este ano vou deixar os galhos alongarem bastante, preciso de mais largura da estrutura da copa para deixar o conjunto mais harmônico.
Estou refazendo o ápice também.

Kaede_08082016 (1) - editWEB

 

38 comentários sobre “Acer Buergerianum

  1. Depois voce corta o galho rente ao lugar por onde entrou ? Desculpe Ricardo eu não conheço esta tecnica de enxertia ,posso fazer isto em uma caliandra ? Abraços, como sempre voce arrasa em seus blogs

  2. Bom trabalho Ricardo. Acompanhei o primeiro passo dsta planta lá em Caxias do sul. Realmente o enxerto por transfixia é uma ótima opção pois esta espécie responde maravilhosamente a técnica. É gol certo! Agora é só esperar…ah!!! e ter paciência de bonsaísta não sendo afobado em cortar o galho do outro lado… deixa a natureza fazer seu papel.abraço

    • Villas, aparentemente a copa fechada agrada mas olhando mais detalhadamente você percebe vários problemas como falta de galhos, galhos crescendo para cima …
      Estou aplicando vários procedimento e no futuro acredito que esta planta ficará muito mais bonita.
      ABraços

    • Adao, está em processo de fusão. Pelas informações que obtive sobre a técnica, deve levar uns 2 a 3 anos para fusão completa.
      Abraço

  3. Acompanhando, ja acompanho a algum tempo, mas essa vou acompanhar tudo, comprei uma e provavelmente irei sofrer para aclimatar ela com o clima aqui de jacarepagua (rj).
    Qual a composicao do substrato que vc utiliza?

    • Olá Flavio. Amanhã vou fotografar o acer e atualizar as fotos dele.
      Cara, eu uso +/- 50% de pedrisco, 40% de caco de tijolo e 10% de terra.
      mas aí no Rio eu usaria menos pedrisco e mais caco de tijolo e terra para manter mais umidade. Até poderia fazer um teste e inserir um pouco de vermiculita.
      Abraço

    • Valeu Flacio. Ainda tem bastante trabalho pela frente para melhorar a ramificação e o calibre de alguns galhos. Também vou fazer um enxerto para melhorar o nebari.
      Abraço

  4. Ricardo , tava revendo seu blog e gostaria que vc me explica se como é feito o enxerto de raiz .( para melhorar o nebari ) .Abraços .

    • Olá Paulo. Você pode pegar pequenas mudas (eu prefiro fazer estacas e depois de enraizada utilizar, a planta fica com a mesma genética, kkkk), no caso do acer pode ser por transfixia ou encostia. Além do enxerto, também tem a opção de plantas mudas bem perto do tronco e deixar crescer e fundir com a base. Depois de fundir bem basta eliminar a muda com poda drástica. Acredito que o processo mais rápido seja o enxerto mas atenção que são técnicas com resultados diferentes, enxerto coloca raiz onde não tem e a técnica da fusão aumenta o nebari.
      Ah, outra opção que lembrei agora é a de abrir uma janela onde não tem raíz e estimular enraizamento, seria tipo um alporque mas localizado.
      Abraço

  5. Cara parabens novamente sou teu fã.
    Vc poderia me ajudar, eu gostaria de saber qual a melhor opção para um acer rubrum que eta nascendo ? Eu deixa-lo numn vaso com mais profundidade ou largura?? pensei em tentar a técnica do escorredor, porém ainda estou em dúvida.
    Continuo sempre acompanhando seu trabalho parabens vc faz magica com as plantas, show

    Abço Ivo Danin

    • Valeu Ivo.
      Se seu acer está nascendo agora, de semente ou é uma muda muito jovem, coloque ele em uma bacia mais larga do que rasa. Isso vai estimulando já as raízes a crescerem radialmente e rasas. Mas se seu acer estiver brotando e já for uma muda maior, minha opção seria uma bacia grande e rasa também. Coloca um substrato bem drenante (eu tenho usado caco de tijolo puro ou misturado com pedrisco (50/50%) e capricha na adubação depois de 45 dias do transplante.
      Abraço

  6. Olá Ricardo

    Tenho uma Acer Palmatum bem parecido com esse teu Buergeranium ai, Vendo esse teu passo a passo em novembro 2015 fiz um enxerto de galho por furos nele. Fiquei impressionado com a eficácia da técnica, já ta fundindo bem, agora na próxima primavera vou fazer mais alguns enxertos para melhorar a estrutura da arvore e partir para um shokkan, to me inspirando nesse teu trabalho, teus passo a passo são verdadeiras aulas de Bonsai! Obrigado por compartilhar teu conhecimento, abraço!

    • Valeu Leandro.
      Só fique atento que a cicatrização no palmatum é meis lenta do que no Buergerianum. Se cortar antes de ter pegado bem, perde o galho.
      Abraço

  7. Ricardo, boa tarde. O enxerto dos galhos dessa maneira podem ser feitos na caliandra?
    Desde já muito obrigado.
    Kauan Assunção.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s